Concurso para Prefeitura de Belém terá 2.800 vagas

5 Abril, 2017 13:320 comentários

Prefeitura de Belém (PA)

Mais um passo para a realização do concurso público que será realizado pela Prefeitura de Belém, no Estado do Pará, que terá aproximadamente 2.800 vagas. No último dia 28 de março foi divulgada, por meio de publicação em diário oficial, a comissão organizadora que será responsável pela seleção.

O órgão já assinou o contrato de prestação de serviços com a banca organizadora do certame, a AOCP.

O concurso da Prefeitura de Belém deve oferecer postos para Educação, Saúde, Administração, Instituto de Previdência e Assistência (Ipamb), Companhia de Desenvolvimento da Área Metropolitana de Belém (Codem) e Companhia de Informática de Belém (Cinbesa).

Confira os cargos por nível de escolaridade

Candidatos que possuem ensino fundamental estarão aptos para concorrer aos empregos de agente de bem estar social, auxiliar de administração e auxiliar de saúde bucal.

Nível médio tornará possível a participação para agente de vigilância sanitária e ambiental; agente de postura de ordem econômica; assistente de administração; cadastrador; desenhista; técnico previdenciário; agente administrativo; e assistente administrativo.

Curso técnico será imprescindível no concurso da Prefeitura de Belém para as funções de auxiliar técnico em computação, técnico agrícola, técnico em agrimensura, técnico em contabilidade, técnico em edificações, técnico em enfermagem, técnico em higiene dental, técnico em laboratório, técnico em mecânica, técnico em ótica oftálmica, técnico em radiografia, técnico em saneamento, técnico em tributação, técnico ambiental, técnico em refrigeração, técnico em prótese dentária, técnico em citologia, técnico em câmara escura, técnico em segurança do trabalho, técnico em informática, técnico em radiologia, técnico em eletrônica, técnico eletricista, técnico fundiário e técnico de planejamento do desenvolvimento.

As colocações de administrador, analista ambiental, arquiteto, assistente social, bacharel em relações públicas, bacharel em turismo, bibliotecário, biólogo, biomédico, contador, economista, enfermeiro, engenheiro (diversas áreas), estatístico, farmacêutico, farmacêutico bioquímico, fonoaudiólogo, geólogo, jornalista, médico (várias especialidades), médico veterinário, meteorologista, nutricionista, odontólogo, pedagogo, psicólogo, sanitarista, sociólogo, técnico em assuntos culturais, técnico em desporto e lazer, terapeuta ocupacional, professor licenciatura plena, técnico pedagogo, analista de investimentos, citologista, fisioterapeuta, atuário, controlador interno, técnico em gestão de arquivos, técnico em gestão de informática, técnico em gestão de pessoas, técnico programador de computador, programador de sistemas, programador de suporte, administrador de banco de dados, administrador de rede, advogado, analista de segurança, analista de suporte, analista de sistema, analista fundiário, analista de planejamento do desenvolvimento e analista técnico se destinarão aos concurseiros com formação superior.

Oportunidades do concurso da Prefeitura de Belém

Para nível fundamental devem ser abertas 50 ofertas de auxiliar de administração. Já para ensino médio haverá 600 vagas, sendo a maioria para a função de técnico em enfermagem.

Diploma de graduação tornará possível a candidatura para 700 oportunidades, principalmente para as colocações de enfermeiro, médico, farmacêutico e odontólogo.

Na educação, serão 500 postos de professor e 100 para técnico pedagógico. Tais posições necessitam de formação superior completa.

Também haverá as 200 chances para Administração indireta. No caso, para Ipamb, Codem e Cinbesa. O concurso da Prefeitura de Belém ainda contemplará 800 ofertas para agente de controle de endemias (ACE) e agente comunitário de saúde (ACS).

A previsão é de que o edital do município de Belém/PA seja publicado no decorrer do segundo semestre deste ano.

Projeto de lei

O novo concurso da Prefeitura de Belém será possível devido ao projeto de lei 2.325/2015, que cria mais de 6.000 postos para o quadro de pessoal do município. Aprovada por maioria na câmara, a proposta ainda extingue 49 carreiras.

Prepare-se para o concurso da Prefeitura de Belém/PA

Com a aprovação do documento, os cargos cujas vagas foram criadas são: agente de bem estar social (578 vagas), auxiliar de administração (746), agente de vigilância sanitária e ambiental (177), agente de postura e ordem econômica (57), assistente de administração (1.013), auxiliar técnico em computação (61), cadastrador (25), desenhista (15), técnico agrícola (6), técnico em agrimensura (17), técnico em contabilidade (36), técnico em edificações (12), técnico em enfermagem (1.436), técnico em higiene dental (32), técnico em laboratório (98), técnico em mecânica (1), técnico em ótica oftálmica (2), técnico em radiografia (91), técnico em saneamento (23), técnico em tributação (1), técnico ambiental (15), administrador (29), arquiteto (35), assistente social (161), bacharel em relações públicas (1), bacharel em turismo (9), bibliotecário (22), biólogo (2), biomédico (13), contador (29), economista (42), enfermeiro (420), engenheiro agrônomo (9), engenheiro civil (30), engenheiro florestal (8), engenheiro mecânico (1), engenheiro químico (4), engenheiro sanitarista (8), farmacêutico (120), farmacêutico bioquímico (35), fisioterapeuta (modificado de 52 para 60), jornalista (10), médico (548), médico veterinário (33), meteorologista (1), nutricionista (80), odontólogo (202), psicólogo (89), sanitarista (10), sociólogo (9), técnico cultural (5), técnico em desporto e lazer (20), terapeuta ocupacional (modificado de 31 para 70), estatístico (14), fonoaudiólogo (28), pedagogo (3), analista ambiental (8) e geólogo (2).

Deixe um comentário nesta matéria