Novas tecnologias mudam rotina das pessoas e se transformam em ajudante particular para o cidadão

13 Agosto, 2018 8:500 comentários

O nível de avanço das tecnologias está rapidamente saindo do controle de laboratórios e grandes empresas para chegar na população mundial, seja como entretenimento ou então um eficiente facilitador para tarefas do dia a dia. Desde um complexo smartphone até um carro elétrico com grande autonomia, a realidade de hoje é uma integração entre novas tecnologias e a necessidade de qualquer cidadão para realizar tarefas simples ou complicadas.

Neste ano, por exemplo, a Apple, marca conhecida pelos smartphones de boa qualidade, lançou uma nova versão do iPhone. Com novas tecnologias e outros itens já comuns em celulares de ponta, os clientes já esperam ansiosamente por todas as novidades. Além da empresa norte-americana, concorrentes ao redor do mundo, como a gigante sul-coreana Samsung, já oferecem equipamentos para se carregar no dia a dia que substituem computadores inteiros e facilitam tarefas simples, como um bloco de notas, ou até profissionais, como a realização de uma reunião por videoconferência.

Cidades e transportes mais inteligentes e eficientes

Os avanços tecnológicos não ficam apenas no bolso das pessoas, eles estão cada vez mais ao redor da cidade. O conceito Smart City é usado justamente para definir a união de novas tecnologias com o serviço para o cidadão. São novas experiências que buscam conforto, segurança e facilidade em tarefas da cidade. Além disso, essas tecnologias também buscam uma maior sustentabilidade e menor dependência ao consumo de energias comuns.

Carioca Digital via Facebook

No Rio de Janeiro, o portal Carioca Digital é um exemplo positivo do uso de tecnologia para o cidadão. É um site onde o morador pode acessar diferentes conteúdos, desde multas, passando pelo pagamento de impostos e até o horário do ônibus, pelo celular ou computador. Outro projeto inovador, também em território nacional, é a Smart City Laguna, uma cidade situada no Ceará totalmente equipada com novas tecnologias. O objetivo é ter maior acessibilidade, conforto e também sustentabilidade no dia a dia. No estado do Piauí, o Tribunal de Contas do Estado lançou, em 2017, o aplicativo Gestão Transparente, que aumenta a comunicação entre a sociedade e a administração pública do estado.

Outra área que está cada vez mais povoada de novas tecnologias é a do transporte, mas infelizmente ainda distante no Brasil, que carece de maiores investimentos. Em Portugal, na cidade do Porto, foi lançado recentemente o aplicativo Anda, que substitui os bilhetes de transporte público e fazem com que o cidadão possa utilizar o metrô e o ônibus apenas com o celular na mão. Recentemente, a Tesla chamou a atenção do mundo com carros totalmente elétricos e com rendimento de carros esportivos movidos a gasolina. Com isso, empresas mais tradicionais, como a Mercedes-Benz, já anunciaram investimento em carros inteligentes e elétricos.

O futuro da cidade, dos transportes e também das rotinas diárias estão cada vez ficando nas mãos de novas tecnologias. O quanto isso ainda vai afetar, positivamente ou negativamente, ainda é difícil dizer. Porém, já é possível notar que o termo smart, seja para um celular ou uma casa, está cada vez mais comum para o cidadão. E a expectativa é que ele seja sempre um termo para indicar um facilitador, seja para se locomover, resolver problemas ou, principalmente, cortar burocracias que atrasam tarefas comuns e diárias.

Deixe um comentário nesta matéria

You must be logged in to post a comment.