Paciente recorre ao Ministério Público para conseguir atendimento médico em Batalha

6 Dezembro, 2018 15:090 comentários

Pacientes idosos cadastrados no Programa Saúde da Família, reclamam de dificuldades para conseguir atendimento médico no município de Batalha (PI).

No início do mês de agosto, a senhora Francisca de Lourdes Santos, moradora do bairro Morro da Saudade, compareceu à Promotoria de Justiça e relatou sobre a demora no agendamento de consulta de sua mãe, a senhora Maria das Dores Fernandes Santos, 67 anos, mais conhecida como Dasdores Paco-Paco.

Segundo Francisca de Lourdes, logo após ela ter formalizado a denúncia no Ministério Público, foram marcadas as consultas e também os exames, inclusive uma ressonância que há muito tempo deveria ter sido feita. A mesma afirma que a Senhora sua mãe, está bem melhor, sendo que a mesma não sentiu mais crises convulsivas.

Em conversa com um agente de saúde, que pediu para não ser identificado, conta que já faz mais de um ano que pacientes não recebem visitas de um médico do Programa Saúde da Família. “Tem comunidade que fez abaixo assinado e entregou na Secretaria de Saúde, mas, até hoje não tomaram nenhuma providência”.

A gestão do prefeito João Messias não tem beneficiado aqueles que mais precisam no município, as promessas foram bonitas, mas ficaram apenas no palanque.

Deixe um comentário nesta matéria

You must be logged in to post a comment.