TCE-PI voltará a analisar denúncia contra irmã da deputada Flora Izabel

5 Novembro, 2018 10:390 comentários

O site “Viagora” divulgou que o Tribunal de Contas do Piauí voltará a analisar uma denúncia contra a diretora geral da Agência de Desenvolvimento Habitacional do Piauí (ADH-PI), Gilvana Gayoso, irmã da deputada estadual Flora Izabel (PT). A acusação foi realizada pelo presidente da Associação dos Mutuários do Residencial do Jacinta Andrade (AMURJA), Osvaldo de Jesus.

Dentre os pontos apresentados, a AMURJA relatou a suposta transferência irregular de direitos de mutuário sobre imóvel a outra pessoa, ausência de respostas às solicitações encaminhadas à ADH, cobranças antecipadas de parcelas, além de irregularidade fundiária e outros problemas relacionados à infraestrutura do residencial.

Em relatório assinado no dia 23 de julho de 2018, a Diretoria de Fiscalização da Administração Estadual (DFAE) sugeriu o arquivamento do processo. O setor técnico do TCE-PI questionou todos os pontos da acusação. O posicionamento foi seguido pelo Ministério Público de Contas (MPC), como mostra documento assinado no dia 08 de agosto.

O processo foi incluído na pauta de julgamento da Primeira Câmara do dia 25 de setembro de 2018. Porém a Corte de Contas decidiu, por unanimidade, retirar o caso de pauta para reexame da matéria. A nova data para análise da denúncia ainda não foi divulgada.

Deixe um comentário nesta matéria

You must be logged in to post a comment.